Hashtags de acessibilidade deixam os conteúdos postados mais inclusivos

Inscreva-se para receber novidades, insights e dicas sobre marketing digital diretamente em seu email.

Você já encontrou em sua timeline uma hashtag de acessibilidade? Cada vez mais presentes nas redes sociais, #Pracegover e muitas outras que apresentam descrições das imagens contidas nas postagens têm se tornado uma das medidas mais inclusivas e importantes no ambiente digital.

Pense na quantidade de imagens que surgem em nossa timeline a cada acesso às redes sociais. Fotos de amigos ou artistas, memes ou infográficos com dados importantes. Todos os dias somos expostos a uma grande quantidade de imagens – e, o que pode ser algo corriqueiro para muitos, pode também ser exclusivo para outros sem o uso de hashtags de acessibilidade!

Segundo o IBGE, no Brasil há cerca de 6,5 milhões de pessoas que apresentam deficiência visual severa. Isso significa que, sem medidas inclusivas como essa, que garantem acessibilidade às redes sociais, milhões de pessoas deixam de aproveitar o que é postado todos os dias.

Para quebrar essa barreira e tornar as timelines acessíveis para todos, as hashtags de acessibilidade são cada vez mais comuns! Uma iniciativa simples, já utilizada por marcas ou mesmo perfis pessoais, que torna o ambiente digital de pessoas com deficiência visual muito melhor!

Hashtags de acessibilidade: #Pracegover e mais!

Usar hashtags de acessibilidade nas legendas das postagens das redes sociais significa incluir uma descrição das imagens por texto, para que os softwares de leitura de tela consigam, por sintetizadores de voz, dar uma noção do que foi publicado na imagem para as pessoas que não podem enxergá-la.

Uma das iniciativas mais conhecidas é a hashtag #Pracegover, idealizada pela professora baiana Patrícia Braille. Essa hashtag de acessibilidade tem o objetivo de chamar atenção para a falta de inclusão das pessoas com deficiência visual nas redes sociais, e tornar a descrição das imagens uma prática comum. Atualmente grandes empresas, atuantes nos mais variados segmentos, já utilizam a hashtag #pracegover em suas publicações.

#PraCegoVer, no entanto, não é a única opção. Entre os clientes da Webcompany, por exemplo, a Sodexo Serviços utiliza hashtags de acessibilidade, descrevendo todas as imagens publicadas nas redes sociais, com a hashtag #SodexoAcessível desde 2017. A preocupação em incluir as pessoas com deficiência visual reforça a posição da marca em promover qualidade de vida e favorecer ambientes com mais diversidade e inclusão para todos.

Captura de Tela 2019 03 21 às 14.42.52 - Hashtags de acessibilidade deixam os conteúdos postados mais inclusivos

Captura de Tela 2019 03 21 às 14.43.08 - Hashtags de acessibilidade deixam os conteúdos postados mais inclusivos

Como usar hashtags de acessibilidade

Para tornar seus conteúdos nas redes sociais mais acessíveis não é difícil: adote uma hashtag de acessibilidade (#pracegover ou #facebookacessível, por exemplo) e descreva a imagem publicada. Escreva qual tipo de imagem está sendo utilizada, se foto ou ilustração, e inclua os elementos de forma sequencial até chegar ao ponto-chave ou chamada da imagem.

Uma indicação da página Pra Cego Ver é sempre optar por períodos curtos, com menos palavras e evitar adjetivos nas descrições, deixando a avaliação e opinião para a pessoa que está ouvindo. Não diga se a pessoa é bonita, ou feia, ou se está brava. Escrava suas expressões, se sorri ou se está carrancuda, se olha para a câmera, se olha para baixo. Fale sobre o ambiente da foto, se está dia ou noite, se a imagem dá foco para uma pessoa ou paisagem.

Ao utilizar hashtags de acessibilidade em suas redes sociais, você quebra barreiras com um pequeno gesto! Esse é um detalhe que pode tornar o dia a dia de quem tem deficiência visual ainda melhor e inclusivo. Compartilhe essa ideia!

>> Conheça outras tendências que você deve considerar em suas estratégias de Marketing Digital

 

Quer levar para sua marca mais esse referencial? Entre em contato com a Webcompany!