O que é transformação digital?

Inscreva-se para receber novidades, insights e dicas sobre marketing digital diretamente em seu email.

Quando pensamos em transformação digital é normal associarmos o termo com empresas de tecnologia ou serviços que já nasceram online, como e-commerces ou plataformas de streaming. Na realidade, a transformação digital é um processo de mudança que afeta todos nós em diferentes segmentos, mesmo naquelas empresas mais tradicionais.

A transformação digital já é uma realidade que impacta a maneira que produzimos, divulgamos e vendemos hoje, com uma série de mudanças no ambiente corporativo.

O QUE É TRANSFORMAÇÃO DIGITAL?

A transformação digital é um processo de transição que as empresas utilizam tecnologia para automatizar funções em diferentes setores, conseguindo aumentar o alcance e desempenho, com melhores resultados de negócios.

Muito mais do que incluir um software de gestão de produção ou atualizar o site para dispositivos mobile, a transformação digital exige uma mudança na mentalidade corporativa: dos CEOs aos canais de atendimento ao cliente. Combinadas, tecnologias como bit data, Internet das coisas, chatbots e a realidade aumentada podem oferecer um caminho para entrar nessa nova era digital e oferecer soluções diferenciadas.  

A transformação digital, dessa forma, afeta diferentes segmentos e não apenas a equipe de TI, como a cultura organizacional (repensar os processos internos com ferramentas digitais), os produtos (criar novidades com base digital para esse novo consumidor) e nas vendas, com novas formas dos consumidores receberem essas novidades, com base nos hábitos e segmentações digitais.  

Para o marketing digital, especificamente, a transformação digital exige que as empresas pensem nos canais digitais de maneira estratégica, não mais adaptando campanhas da TV ou catálogos como conteúdos online ou esperando que mensagens genéricas tenham resultado. Exige pensar nas vantagens de cada plataforma e segmentar os públicos para que as mensagens cheguem até eles com anúncios direcionados.

AS VANTAGENS DA TRANSFORMAÇÃO DIGITAL

A pesquisa “Como a maturidade da transformação da TI promove a agilidade da TI, inovação e melhores resultados para os negócios”, realizada pelo Enterprise Strategy Group (ESG), indicou que apenas 5% das empresas entrevistadas em diferentes países tinham ambientes de TI realmente preparados para a  transformação digital.

Entre as empresas que já estavam com a transformação digital em um estágio mais maduro, a pesquisa indicou que elas “apresentaram um desempenho melhor do que as outras organizações em termos de capacidade de responder rapidamente às solicitações de negócios e concluir os projetos em tempo hábil”. Ou seja, com os processos, produtos e até modelos de negócios aprimorados com novas tecnologias, elas conseguiam concluir projetos antes do prazo: “uma média de 34,2% dos projetos foram concluídos mais rapidamente do que o previsto”.

Além de dados de mercado que indicam as vantagens da aplicação da transformação digital nos negócios, a pesquisa também reforça que esses ambientes também conseguiam níveis mais altos na satisfação dos colaboradores internos, sendo que 49% deles se sentiam como valiosos prestadores de serviços, um índice muito acima das empresas sem cultura digital.

DILEMAS DA TRANSFORMAÇÃO DIGITAL

Com as evoluções tecnológicas surgem oportunidades e desafios. Como indicado pela pesquisa do ESG, “a automatização é fundamental para viabilizar a agilidade” e a transformação digital apresenta vantagens expressivas: 96% dos entrevistados que trabalhavam em ambientes com transformação digital indicavam que as organizações excederam as metas de receita anual em 2016.

Começar essa transformação, porém, pode ser um processo desafiador para alguns segmentos.

Para as empresas que já nasceram no meio digital, como o Spotify, é normal que utilizem tecnologia de ponta desde a criação de serviços mais interativos ou mesmo nos métodos de anúncios e divulgação. A Netflix, como a companhia de mídia com maior valor de mercado do mundo, por exemplo, utiliza Inteligência Artificial para testar alterações na plataforma (como design ou navegação dos títulos) antes de serem disponibilizados para todos os assinantes, evitando prejuízos e conseguindo aperfeiçoar os algoritmos para os clientes.  

Já para as empresas consolidadas antes da popularização da Internet, o esforço pode ser maior, já que a transformação digital propõe a substituição de práticas que já estão obsoletas, como a mentalidade de só agir de maneira reativa, quando há algum problema ou quando o concorrente apresenta alguma inovação.  

A transformação digital exige uma mudança de posicionamento de toda a empresa, o que pode ser encarado como um pesado ou uma grande oportunidade. É papel das empresas que desejam se manter relevantes oferecer canais e soluções que atendam às novas exigências dos consumidores contemporâneos, repensando, inclusive as estratégias de marketing, já que o possível cliente pode chegar ao seu produto pelas redes sociais, mecanismos de busca, chats online ou mesmo pela indicação de um influenciador digital, tudo na mão, com alguns cliques nos smartphones.   

Em uma jornada contínua, uma vez que as tecnologias e o próprio comportamento dos clientes vai se alterando periodicamente, a transformação digital é um processo em constante renovação e que não deve mais encarado como uma promessa de futuro, mas uma possibilidade atual de melhorar os resultados.