Web design o que é: entenda

Para entender melhor web design o que é, tente pensar nele como a extensão prática do design, de forma que o foco seja a criação de web sites e outros projetos disponíveis no ambiente digital. A principal preocupação dessa área é a harmonia entre beleza e funcionalidade, para que além de agradar o olhar, seu site seja também útil.

São envolvidas em um projeto de web design áreas como a arquitetura da informação, programação, criação, acessibilidade, entre outras áreas envolvidas que contribuem para formar o web design o que é. Todas essas áreas trabalham para agregar conceitos de usabilidade com o planejamento da interface, de modo a garantir que o usuário final atinja seus objetivos de forma agradável e intuitiva e, consequentemente, a marca atinja seus objetivos em relação a conversão em vendas.

A beleza do website deve servir para gerar sensações no visitante que o induzam à compra ou a pular etapas do funil de vendas. Por isso, o web design é uma ferramenta essencial para o sucesso das estratégias digitais, capaz de proporcionar uma vantagem competitiva para as empresas que investem na otimização dos serviços.

Web design o que é: principais elementos

Alguns pontos são fundamentais para o bom funcionamento do seu site, são eles:

Responsividade: O mercado mobile brasileiro está crescendo cada dia mais. Segundo a Anatel, já são mais de 264 milhões de acessos à telefonia móvel. É muito importante que o seu site esteja adequado para atender a necessidade desses usuários, que acessam somente por dispositivos móveis.

Escaneabilidade: Poucas são as pessoas que param para ler um texto muito grande na internet, por considerar a leitura cansativa. Para não gerar desconforto aos usuários, a escaneabilidade textual precisa ser trabalhada. Afinal, você não quer que eles se cansem do seu conteúdo, não é mesmo?

Tipografia: O padrão de tipografia deve ser mantido em todo o conteúdo para tornar a experiência de leitura agradável. Quando for necessário utilizar fontes diferentes nos materiais do site, elas precisam estar em harmonia.

Velocidade do carregamento: Ter um site que carregue rapidamente é fundamental, pois segundo o Google, sites que levam mais de 2 segundos para carregar prejudicam a indexação do seu site e também a experiência do usuário.

5 pontos que contribuem para a conversão dentro do seu site 

 

  • Transição de páginas na vertical

 

A busca pela agilidade na internet é uma das características do usuário que tem pressa e não pode esperar uma página carregar. Clicar em um link, esperar ele abrir e carregar o conteúdo é desagradável e dá ao usuário a sensação de que ele está perdendo tempo. Isso pode deixar ele irritado e aumentar as taxas de rejeição do site. A transição vertical reduz essa sensação de que o usuário precisa esperar pela outra página

O movimento vertical gera familiaridade – as redes sociais têm esse formato de transição – e melhora a usabilidade dos dispositivos desktop e mobile. Aliar a estratégia de transição vertical a um bom trabalho SEO é uma forma de aumentar a velocidade de carregamento do seu website, melhorar a experiência do usuário e aumentar a taxa de conversão.

 

  • Mais conteúdo de vídeo

 

Além de diversificar a página, o conteúdo em vídeo atende as necessidades de um público em movimento, que não tem tempo para ler textos. O vídeo pode ser explicativo, institucional ou qualquer outro vídeo de fundo, o importante é que ele dê mais movimento ao seu site. Há pouco tempo, o Google tem privilegiado nos resultados de pesquisas os sites que utilizam vídeos em suas páginas.

 

  • Formas naturais e orgânicas

 

Embora a primeira lembrança ao falar de site sejam as grades sistemáticas, a tendência é que o design seja voltado para formas naturais e linhas suaves. Isso porque as formas transmitem a sensação de acessibilidade, conforto e segurança. A assimetria das formas orgânicas também oferecem profundidade ao layout da página e o torna mais humanizado por meio da ilusão de movimento. Isso tudo contribui para que o usuário se sinta em casa, sendo assim, ele passa mais tempo navegando em seu site e as chances dele acessar o máximo do seu conteúdo ou finalizar uma compra são muito maiores.

 

  • Microinterações

 

Para se destacar entre os concorrentes no meio digital é preciso surpreender o usuário com microinterações. Para entender o conceito de microinteração pense nas respostas que você recebe ao realizar uma pequena ação em site ou aplicativo, como por exemplo, o barulhinho da timeline quando você atualiza a página do twitter.

Investir na interatividade do seu site é uma forma de envolver seu público alvo, transmitir informações ao usuários e tornar seu espaço mais inteligente e interativo.

 

  • Diversidade

 

Com tanta tecnologia a disposição, acabamos por esquecer do pilar que sustenta a internet: as pessoas. A rede foi feita para conectar pessoas de diferentes culturas, habilidades, idades e gêneros em qualquer lugar do mundo, sabendo disso, as pessoas querem e precisam se enxergar.

Aproveitar o conceito do web design o que é para fazer com que pessoas de todos os estilos de vida se sintam bem-vindas através da inclusão, padrões de acessibilidade aprimorados a imagens socialmente conscientes e diversificadas em seu espaço digital é apostar no sucesso.

Sites lentos, informações ocultas e falta de suporte ao usuário são coisas que fazem com com que a experiência dos visitantes de um site seja muito ruim, e a consequência disso é a queda da conversão na jornada de compra desses visitantes em clientes. Para que isso não ocorra com o site da sua empresa, é preciso ter um Web Design de qualidade.

 

Fale com um de nossos profissionais!