fbpx
webcompany - Inteligência Artificial no Marketing e a era da estratégia

Inteligência Artificial no Marketing e a era da estratégia

Inscreva-se para receber novidades, insights e dicas sobre marketing digital diretamente em seu email.

Inteligência Artificial no Marketing: como se sobressair profissionalmente na era machine learning.

Você consegue imaginar como vai estar a sua vida profissional em 5 anos? A pergunta clichê das entrevistas de emprego já precisa ser reformulada, afinal, podemos realmente prever o andamento do Mercado em tempos com tantas evoluções tecnológicas? Com o futuro do Marketing Digital caminhando em direção à automação — ou seja, processos automáticos que substituem ações que antes eram feitas manualmente —, profissionais estratégicos tendem a ser cada vez mais valorizados. Nesse sentido, como a Inteligência Artificial no Marketing vai mudar o futuro da profissão? Essa é a pergunta que muita gente faz, inclusive muitos de nós.

Toda mudança, via de regra, gera preocupação. Na era do rádio, o medo era da chegada da televisão. Com a popularização da internet, muitos temeram que a TV fosse eliminada da nossa rotina. Com a evolução da internet, temos receio de perder o controle da situação e de sermos dominados pela máquina. Apesar de a Inteligência Artificial estar avançando, esse panorama nos mostra que as coisas são, ao invés de extinguidas, modificadas. Na batalha da Inteligência Artificial no Marketing vencerão os profissionais que souberem adaptar o seu currículo e melhorar suas habilidades. Uma coisa é fato: precisamos trocar o medo pela capacitação.

Profissionais estratégicos serão mais valorizados que nunca. Algumas funções podem sim ser automatizadas, mas pensar fora das linhas de códigos de programação para propor ações 360° é uma capacidade (e deverá ser pelo menos até os próximos anos) humana. Em relação ao trabalho a curto e médio prazo dos profissionais de Marketing, podemos dizer que estamos na era da estratégia. Ao passo em que as inovações de machine learning avançam, crescem também a demanda e a necessidade de uma assistência completa ao cliente.

Para o Think With Google, entramos em tempos nos quais o atrito entre marca e consumidor pode representar um fracasso e mensagens de massa serão ignoradas pelo público. Isso significa que precisamos aprender a pensar de forma cada vez mais “cuidadosa” em relação aos consumidores, valorizando a individualidade e entendendo o poder de voz que eles têm — tendo em vista a repercussão potencial gigante que cada um de nós tem nas redes sociais. Dessa forma, marcas que quiserem alcançar o sucesso devem conhecer a fundo o seu consumidor.

De acordo com pesquisa feita pela Tata Consultancy Services com 835 executivos e 13 segmentos da indústria distribuídas em quatro regiões do mundo, 7% das organizações destinaram ao menos US$ 250 milhões cada uma para IA no ano de 2016. Obviamente, esse interesse só tende a crescer. Segundo estudo da PwC Global Consumer Insights 2018, das mil pessoas ouvidas no Brasil, 59% gostariam de comprar dispositivos com capacidade de processamento de dados e aprendizagem. Não tem como, e nem por que fugir, certo? Tecnologias de Inteligência Artificial são, e serão cada vez mais, excelentes aliadas de profissionais que entendem a importância de oferecer aos clientes um dos bens mais valiosos: a estratégia.

A Webcompany é uma agência digital que alia profissionais com alta capacitação a tecnologias eficientes para trazer estratégias digitais eficientes para a sua marca. Entre em contato com a gente!

Este site utiliza cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência em nosso site. Saiba mais.