Halloween: 5 erros que ainda assombram o mundo online

Perfis abandonados, anúncios mal segmentados, conteúdos sem personalidade… alguns erros assombram há anos o meio online.

Enquanto as bruxas, vampiros e zumbis se preparam para celebrar mais um Halloween, no âmbito digital também há aqueles “fantasmas” que assombram alguns perfis nas redes sociais.

Possivelmente você já foi assombrado por algum desses erros do marketing digital que acontecem muito além da Sexta-feira 13, quer ver?

1 As marcas fantasmas

Foi entrar no perfil de uma marca ou local e viu que as últimas postagens são de dois, três anos atrás? A conta “fantasma” passa uma sensação total de abandono e pouco interesse em dialogar e informar os potenciais consumidores. Assim, se você não consegue manter uma periodicidade nas postagens ou não atualiza os canais de contato e informações básicas, é melhor não deixar mais esses canais online disponíveis, para evitar a frustração. É importante ressaltar que não é uma obrigatoriedade estar nas redes sociais. Mas, se estiver na chuva é para se molhar! Os seus consumidores vão te procurar e você deve estar preparado.

2 Likes Zumbi

A prática de interagir com alguém nas redes sociais, com likes ou comentários, para que a pessoa retribua o interesse com uma visita ao seu perfil é bem comum e pode ajudar a atrair um público mais amplo. O problema, porém, é quando a interação parece mais insistente que um ataque zumbi, com vários likes e comentários padronizados, o que deixa a interação mais fria que pele de vampiro. Portanto, caso queira atrair novos seguidores, que tal interagir DE VERDADE com aqueles que já têm um interesse e perfil compatível com sua marca ou utilizar os diferentes métodos de anúncios já disponíveis nas plataformas? É imprescindível a sua marca ter uma personalidade e tom de voz bem definidos. E nós podemos te ajudar com isso. 😉

3 O perfil Frankenstein: parte profissional, parte pessoal

Especialmente para influenciadores digitais que estão começando ou marcas locais, um erro comum é misturar postagens pessoais com os conteúdos do seu negócio. Deixar seus conteúdos mais personalizados e dando “cara” para quem trabalha nela é uma ótima estratégia, mas tome cuidado para não lotar sua timeline com selfies, frases que expressem opiniões pessoais ou conteúdos que possam afastar parte dos consumidores. Com um bom planejamento e objetivos bem definidos você evita uma conta Frankenstein e mantém a credibilidade no meio online.

4 A maldição dos conteúdos frios

Por mais que a gente adore uma marca ou produto, receber na timeline sempre aqueles conteúdos burocráticos, que não vão além da embalagem e uma frase de descrição do tipo “já experimentou?”, afugenta qualquer seguidor. Fugir da maldição dos conteúdos frios é possível: use fotos e comentários dos fãs, monte conteúdos de inspiração e coloque personalidade em cada publicação! Datas comemorativas, eventos nacionais, shows, lançamentos de cinema, memes e tendências de moda também ajudam a deixar sua marca com ar de antenada e mais amigável aos seguidores.

5 O pesado dos anúncios mal segmentados

Homens que recebem anúncio de roupas de ginástica feminina, mulheres que vêem carrossel de chuteiras masculinas, um jovem universitário sendo impactado com Stories de imóveis de luxo… Para as marcas, além de consumir verba dos anúncios online com pessoas sem interesse, um anúncio mal segmentado pode afastar de vez potenciais clientes e passar uma impressão de não conhecer quem é o seu público de verdade. Por isso, fuja desse pesadelo tendo bem claro quem é o seu público, qual o objetivo daquela peça de marketing online e acompanhando diretamente os resultados obtidos.

Afastar as “bruxas” das redes sociais pode ir muito além do Halloween e nós podemos te ajudar!